POSICIONAMENTO Departamento Científico de Enfermagem Gerontológica-ABEn Nacional e RED ESAM/2020

  • 16 de maio de 2024
  • Erica

O Departamento Cientifico de Enfermagem Gerontológica da ABEn e a Red de Enfermeria en Salud del Adulto Mayor RED ESAM Capítulo Brasil vem a público manifestarem sua preocupação com a pandemia da COVID-19, seus impactos nos sistemas de saúde, no indivíduo e na sociedade e seus desdobramentos nos contextos sociais e econômicos imediato, a curto médio e longo prazo. Neste momento, contudo, nossa maior atenção reside no cuidado a saúde das pessoas, com ênfase aos grupos de maior vulnerabilidade, entre eles, os idosos. Dados científicos e a experiência global indicam a importância do distanciamento social de todos, para minimizar os índices de contágios e proliferação de casos de síndromes respiratórias graves, buscando reduzir o número de mortes. Estamos assistindo a tragédia dessa pandemia em outros países e o seu impulso no Brasil, com o aumento dos casos notificados e número de mortes. Urge que a sociedade se conscientize da complexidade e severidade dessa pandemia, cumprindo as recomendações das autoridades sanitária dos país, entre elas, o distanciamento social. FIQUE EM CASA. Segundo o IBGE, 10,5% da população brasileira são idosos. Apesar da COVID-19 acometer todas as idades, neste caso os idosos são os mais vulneráveis que associado às múltiplas comorbidades aumentando assim o risco de complicações e morte. Nós, Enfermeiros, atuantes na pesquisa, na formação de recursos humanos, na gestão e assistência do cuidado ao idoso no Brasil, reforçamos a importância da atenção e cuidado à Saúde dos Idosos em todo o país. FIQUE EM CASA. Enfermeiros, Técnicos de enfermagem e demais profissionais da Saúde estão empenhados em buscar alternativas de atendimento à população, sem que haja o deslocamento de pessoas, usando tecnologias de comunicação virtual e telefone e, quando imprescindível, a visitação domiciliar segura. Mas importante mantenha em casa uma rotina de atividades diárias, para preservação de sua saúde física e mental.Conclamamos a sociedade, em especial a população idosa e seus cuidadores, a seguirem as recomendações de higiene e cuidados, a aderirem à campanha de vacinação da gripe que está em curso, a realizarem, com responsabilidade, o distanciamento social. Estamos na luta pela vacinação em casa dos idosos mais dependentes como também dos idosos institucionalizados, ou seja, os residentes em Instituições de Longa Permanência para Idosos. A equipe de Enfermagem está e se manterá à frente do atendimento aos pacientes infectados pela COVID-19. A essa equipe, aos demais profissionais da saúde e trabalhadores dos serviços de saúde em todo o Brasil, nosso profundo reconhecimento, respeito e gratidão pelo trabalho que estão empreendendo e pelos desafios que terão de enfrentar nos próximos meses. Seguimos lutando pelo trabalho seguro da equipe de enfermagem com direito a descanso, salário digno, garantia de equipamentos de proteção individual (EPIs), tanto nos hospitais, nas Instituições de Longa Permanência para Idosos, e nos demais serviços de atendimento aos idosos.  Profa Dra Rosalina A. Partezani Rodrigues – Coordenadora RED-ESAM- Brasil Profa Dra Rosimere Ferreira Santana – Coordenadora DCEG- ABEn Profa Dra Francisca Valda da Silva – Presidente da ABEn-Nacional